Patagonia, segunda, 22 de dezembro de 2014
A melhor informação sobre as principais estações de inverno

Portillo


Portillo é o mais famoso e provavelmente também o mais antigo centro de esqui da América do Sul. Somente 40 kilometros separam a base deste centro do pico Aconcágua, o mais alto do hemisfério sul. No coração mesmo da Cordilheira dos Andes, com 2.850 metros sobre o nível do mar, Portillo ou "paso angosto" era o principal passo entre a Argentina e o Chile, transitado primeiro pelas mulas e cavalos e depois pelo trem transandino, que atravessava um dos percursos mais espetaculares sobre os trilhos. Depois que se inaugurou a rodovia internacional, o trem se desativou durante os anos 70, perdendo assim este caminho esta maravilhosa experiência.Portillo Porém a história da região esta também marcada pela Estação de inverno mundialmente conhecida pelos esquiadores. Foi em Portillo onde o famoso Jean Claude Killy obteve suas primeiras medalhas de ouro no Campeonato Mundial de esqui de 1966, e onde também se quebrou o record mundial dos 200km/h na pista Roca Jack.

Como centro de esqui, Portillo conseguiu sua fama pelas excelentes pistas, a neve "en polvo" (fofa) proporciona as melhores condições para esquiar e fazer snowboard . Com uma media de 7 metros de neve por temporada, e um desnível que pode alcançar os 812 metros, possui 12 meios de elevação e 23 pistas, varias delas sobre grandes poças congeladas de grande extensão de terreno, além de grandes e accessíveis áreas para esquiar fora das pistas.

A fama também esta na escola de esqui, que teve entre seus diretores 4 campeões olímpicos, além de treinar a vários esquiadores premiados.

O centro da atividade está situado no único alojamento da região: O Grande Hotel Portillo. A cada ano é visitado pelos esquiadores que o adotaram como seu refúgio de inverno, o lugar escolhido para encontrar-se com os companheiros de pista, o que lhe outorga a estação uma distinção especial.

Construído a 2890 metros sobre o nível do mar, o hotel esta a um kilómetros da alfândega chilena Paso de los Libertadores e a seis kilómetros da fronteira Argentina, oferecendo todas as atividades disponíveis pela estação invernal.

Em frente ao hotel na base, você encontrará a lagoa de El Inca, nome dado pela legenda do inca Illi Yunqui e sua amada. Portillo

Dicas úteis

Como chegar: a 164km da Capital Chilena, pegando a rodovia numero 5, em direção ao norte, passando 30 km do pedágio, entra no desvio da rodovia 57 em direção aos Andes. Desde daí esta o caminho internacional até a Estação de Portillo.

Saindo da Argentina se pode ir pela cidade de Mendoza, indo pela rodovia internacional e passando pela alfândega chilena, chegando ai, falta nada mais que 1 kilometro para chegar a Portillo.

As rodovias e caminhos apresentam boas condições. Pela altura e pela condição do tempo durante o inverno, é obrigatório os uso de correntes nos pneus.

Temporada: este ano Portillo, abrirá o centro dia 11 de junho e prevê fechar dia 8 de outubro.
Agosto é ideal para os viciados no esqui, que poderão desfrutar apreciando o treinamento das equipes de esquiadores olímpicos.
O inverno e a primavera se confundem em setembro, oferecendo um excelente clima e neve da melhor qualidade.

Clima: agradáveis dias de sol em pleno inverno, com temperaturas que não ultrapassam os -5º C.

Atividades: esqui em suas distintas modalidades e snowboard.

Serviços: alojamento, restaurantes, aluguel de equipamentos, escola de esqui, creche, academia, piscina de água quente, shows, discoteca, etc.

 
Inter Patagonia - Estação de Esqui Portillo - Patagonia Chile
© 2002-2014 É proibida a reprodução total ou parcial. Direitos autorais 153904 Lei 11723
Siga-nos no facebook Siga-nos no Twitter Videos deInterPatagonia no YouTube Siga-nos no Google+